Saber votar? Todos sabem!

Acho que descobri porque o Brasil está politicamente dividido desse jeito: não se furtem em constatar como a maioria vota!

1. Um amigo ganhou uma geladeira numa promoção. Para se livrar da velha, colocou-a em frente à casa, sugerindo: De graça! Se quiser, pode levar. A geladeira ficou lá três dias, sem despertar um só olhar interessado. Concluiu que as pessoas não acreditavam na oferta, aí mudou de aviso. Ocasião: geladeira à venda só por R$ 80! Não é que durante a noite ela foi furtada! Cuidado: esse tipo de gente vota!

2. Ao término de uma viagem internacional, não conseguia achar minhas malas na área de sua liberação no aeroporto. Fui então até o setor de bagagens extraviadas e disse à mulher que minhas malas não apareceram. Ela sorriu e me disse para não me preocupar, porque ela era uma profissional treinada e eu estava em boas mãos. Apenas me informe: o seu avião já chegou? Ela também vota!

3. Olhando uma casa para alugar, um amigo médico perguntou à corretora de que lado era o Norte, porque não queria que o sol penetrasse no consultório todas as manhãs. A corretora perguntou: O sol nasce no Norte? Depois do amigo explicar que o sol nasce no Leste (Aliás, há um bom tempo, isso acontece!), ela retrucou: Há certo tipo de coisas, a respeito das quais, não me mantenho atualizada! Essa, vota! E como!

4. Com dois amigos fui comprar cerveja para uma festa, e notamos que por engradado tinha 10% de desconto. Compramos 2 engradados. O caixa multiplicou 10% por 2 e nos deu um desconto de 20%. Com todo o conhecimento de matemática que tem, ele vota!

5. Com um colega almoçava no restaurante ao lado da universidade, quando ouvimos uma das assistentes administrativas de uma empresa, falando a respeito das queimaduras de sol que ela havia sofrido, quando ia para o litoral. Estava num conversível, por isso não pensou que ficaria queimada, pois o carro estava em movimento. Essa, obrigada a votar: vota!

6. Esperando ser atendido na pizzaria do amigo Eduardo, vi um homem pedindo pizza para viagem. Como estava sozinho, o atendente perguntou se ele preferia a pizza em 4 ou em 6 pedaços. Depois de ter pensado algum tempo, limitou-se a responder: Corte em 4 pedaços. Acho que não estou com fome suficiente para comer 6 pedaços.

Adivinhou? Isso mesmo, apesar de pensar, vez ou outra, se bem ou mal, é outra história, esse também vota!

Deixe uma resposta

Comentários